Neurocirurgia - Clínica MeuCérebro

NEUROCIRURGIA

A Clínica MeuCérebro oferece assistência em Neurocirurgia. Trata-se de uma das especialidades médicas destinada ao tratamento de pacientes de todas as faixas etárias (de recém-nascidos a idosos), e inclusive fetos, que tenham doenças do sistema nervoso central (encéfalo e medula), sistema nervoso periférico (nervos cranianos e espinhas), além de crânio e coluna vertebral.

O neurocirurgião passa por teoria e prática clínica e cirúrgica por um período de 5 anos na residência médica, definida pelo Ministério da Educação e Cultura (MEC) em parceria com a Sociedade Brasileira de Neurocirurgia.

As desordens abarcadas pela neurocirurgia são diversas:

  • dores de cabeça;
  • distúrbios do sono;
  • problemas na coluna, tais como: hérnia de disco, estenoses, degenerações discais sintomáticas, listese vertebral, escolioses, fraturas por osteoporose, síndrome facetária;
  • epilepsias;
  • tumores do encéfalo, caixa óssea craniana e/ou na coluna;
  • hidrocefalia;
  • doenças neurodegenerativas;
  • traumatismos cranianos, encefálicos, espinhais e de nervos periféricos;
  • lesões vasculares intracranianas e suas consequências: aneurismas, mal-formações artério-venosas, hemorragia, hematoma;
  • edema cerebral, abscessos, parasitoses cerebrais, cistos, entre outros;
  • deformações congênitas do crânio; afundamentos e falhas ósseas;
  • dores crônicas.

O profissional da neurocirurgia pode ainda trabalhar como professor, pesquisador, perito médico judicial e desenvolvedor de próteses.

O neurocirurgião também pode tratar transtornos da psique (denominada de psicocirurgia. Cabe ressaltar que a técnica é utilizada geralmente em quadros em que o paciente está em estágio gravíssimo de algumas patologias psiquiátricas. Esse tipo de procedimento merece estudo especial e rigoroso por parte dos profissionais envolvidos no tratamento do paciente.

Áreas de atuação do neurocirurgião

  • Base de Crânio
  • Epilepsia (Tratamento Neurocirúrgico da Epilepsia)
  • Nervos Periféricos
  • (Neuro)Radiocirurgia
  • Neurointensivismo
  • Neurotraumatologia e Neurocirurgia de Urgência/Emergência
  • Hidrodinâmica e Neuroendoscopia
  • Neurocirurgia Oncológica
  • Neurocirurgia Vascular
  • Neurocirurgia Endovascular (também conhecida como ‘Neurorradiologia Intervencionista’
  • Neurocirurgia Espinhal (Tratamento Neurocirúrgico das Patologias da Coluna e Medula Espinhal)
  • Neurocirurgia Pediátrica (e Neurocirurgia Fetal)
  • Neurocirurgia Funcional (Tratamento Neurocirúrgico da Dor e das Desordens dos Movimentos, Psicocirurgia, dentre outros sub-ramos mais específicos, como o tratamento de órgãos sensoriais disfuncionais por substituição por dispositivos artificiais)

Avaliação e tratamento em neurocirurgia

A avaliação parte da história clínica do paciente e de exames físicos. Para tanto, os neurocirurgiões possuem ferramentas que auxiliam no diagnóstico e tratamento, como raios-x, tomografia computadorizada, ressonância magnética, eletroneuromiografia, entre outros.

A consulta com o neurocirurgião é necessária inclusive para descartar ou confirmar a possibilidade de tratamento cirúrgico. No entanto, o grande diferencial da especialidade é oferecer ao paciente, como alternativa de tratamento e/ou cura, a intervenção cirúrgica.

Fonte:

  • wikipédia
  • https://www.amato.com.br/content/quando-consultar-um-neurocirurgi%C3%A3o-quem-trata-dor-na-coluna